Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude

Departamento de Comunicação   14/05/2019 | 09h37

MUSEU “PAULO SETÚBAL” RECEBERÁ OFICINA DE TEATRO, MINISTRADA POR FERNANDO AVEIRO, NA 17ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS

Fernando Aveiro é diretor, dramaturgo e ator.

MUSEU “PAULO SETÚBAL” RECEBERÁ OFICINA  DE TEATRO, MINISTRADA POR FERNANDO AVEIRO, NA 17ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS

    Em comemoração à 17ª Semana Nacional de Museus, que será realizada no Museu Histórico “Paulo Setúbal”, equipamento de Cultura da Prefeitura de Tatuí, entre 14 e 19 de maio, acontecerá nesta sexta-feira (17/05), às 18h, a Oficina de Teatro “Uma Experiência de Desconstrução e Construção de Personagem”.

    Ela será ministrada por Fernando Aveiro, por meio do Programa Qualificação em Artes “Ademar Guerra”, da Secretaria de Economia Criativa e Cultura do Estado de São Paulo, gerenciado pela organização social POIESIS (Instituto de Apoio à Cultura, à Língua e à Literatura).

    A Cia. Ímpares, de André Kaires, foi uma das selecionadas para receber a qualificação em 2019, e por esse motivo, receberá a Oficina, que consiste em percorrer um caminho de exploração das possibilidades do corpo neutro, para depois, gradativamente, estruturar figuras cênicas corpóreas que habitam o imaginário de cada integrante. A partir dessa pesquisa, os participantes serão instigados a escrever um relato dramatúrgico individual, de fluxo intuitivo.

    Fernando Aveiro - Diretor, dramaturgo e ator, atuou no CPT (Centro de Pesquisa Teatral) de Antunes Filho durante seis anos, nas montagens das peças “A Falecida Vapt-vupt”, “Policarpo Quaresma”, “Toda Nudez Será Castigada” e “Prêt-à-porter Cult”.

    Integrou o Núcleo de Dramaturgia SESI-British Council, onde escreveu o texto do espetáculo “Em Abrigo”, que esteve em cartaz no SESI São Paulo e percorreu o interior do Estado.

    É autor de “Hospedeira”, texto dirigido por Georgette Fadel, que realizou temporadas no SESC Consolação e no Centro Compartilhado de Criação.

    Dirigiu o Núcleo de Pesquisa Caxote, nas montagens de “Por Acaso, Navalha” e “Obra Sobre Ruínas”.

    Na Escola Waldorf Francisco de Assis, dirigiu os espetáculos “Gota D’água”, “O Pagador de Promessas” e “Ópera do Malandro”.

    Faz parte do Projeto Ademar Guerra, como orientador de teatro, desde 2017.

SAÚDE

CARDÁPIO

GIA e SPED

Saúde
Horários Médicos nos Postos de Saúde