Secretaria de Planejamento e Gestão Pública

Departamento de Comunicação   12/09/2018 | 11h33

RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO FUNDIÁRIO APONTA 15 NÚCLEOS INFORMAIS PARA REGULARIZAÇÃO

Relatório de Diagnóstico Fundiário foi realizado pelo ITESP e entregue para a Prefeitura de Tatuí.

RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO FUNDIÁRIO APONTA  15 NÚCLEOS INFORMAIS PARA REGULARIZAÇÃO

Tatuí tem hoje 15 núcleos informais cadastrados, que necessitam de regularização fundiária. Por isso, a Prefeitura de Tatuí, através da Secretaria de Planejamento e Gestão Pública, trabalha no diagnóstico desta situação, em parceria com órgãos estaduais.

Dia 29 de agosto, quinta-feira, esteve no Paço Municipal, o secretário adjunto de Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo, Luiz Souto Madureira; o diretor presidente da Fundação ITESP (Instituto de Terras do Estado de São Paulo), Sérgio Maranhão e sua equipe técnica. Foi entregue à prefeita Maria José Vieira de Camargo, um Relatório de Diagnóstico Fundiário, com informações sobre esses vários núcleos, incluindo entre eles, os bairros Jardim Rosa Garcia, Congonhal e Santuário.

“Uma das minhas lutas é a regularização fundiária dos núcleos informais que existem em Tatuí. Para toda família, o maior bem é o título de propriedade da sua casa, do seu imóvel. E hoje, avançamos nesse sentido”, destacou a prefeita, na oportunidade.

No mesmo dia, a Prefeitura de Tatuí, oficiou o ITESP para a formalização do convênio e dar seguimento aos projetos, com a meta de regularização dessas áreas até 2019.

Em Tatuí, a Fundação ITESP fez pela última vez a regularização de áreas na gestão do ex-prefeito Luiz Gonzaga Vieira de Camargo. É o caso do bairro Nova Esperança, que surgiu ao lado da Vila Angélica (antiga rua dos Boiadeiros). Foram ali regularizados e entregues 127 títulos de propriedade. Outra região da cidade onde aconteceram regularizações foi na Vila Brasil, onde 36 títulos de propriedades foram entregues.

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

Cardápio



GIA e SPED