Secretaria de Planejamento e Gestão Pública

Departamento de Comunicação   12/09/2018 | 11h33

RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO FUNDIÁRIO APONTA 15 NÚCLEOS INFORMAIS PARA REGULARIZAÇÃO

Relatório de Diagnóstico Fundiário foi realizado pelo ITESP e entregue para a Prefeitura de Tatuí.

RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO FUNDIÁRIO APONTA  15 NÚCLEOS INFORMAIS PARA REGULARIZAÇÃO

Tatuí tem hoje 15 núcleos informais cadastrados, que necessitam de regularização fundiária. Por isso, a Prefeitura de Tatuí, através da Secretaria de Planejamento e Gestão Pública, trabalha no diagnóstico desta situação, em parceria com órgãos estaduais.

Dia 29 de agosto, quinta-feira, esteve no Paço Municipal, o secretário adjunto de Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo, Luiz Souto Madureira; o diretor presidente da Fundação ITESP (Instituto de Terras do Estado de São Paulo), Sérgio Maranhão e sua equipe técnica. Foi entregue à prefeita Maria José Vieira de Camargo, um Relatório de Diagnóstico Fundiário, com informações sobre esses vários núcleos, incluindo entre eles, os bairros Jardim Rosa Garcia, Congonhal e Santuário.

“Uma das minhas lutas é a regularização fundiária dos núcleos informais que existem em Tatuí. Para toda família, o maior bem é o título de propriedade da sua casa, do seu imóvel. E hoje, avançamos nesse sentido”, destacou a prefeita, na oportunidade.

No mesmo dia, a Prefeitura de Tatuí, oficiou o ITESP para a formalização do convênio e dar seguimento aos projetos, com a meta de regularização dessas áreas até 2019.

Em Tatuí, a Fundação ITESP fez pela última vez a regularização de áreas na gestão do ex-prefeito Luiz Gonzaga Vieira de Camargo. É o caso do bairro Nova Esperança, que surgiu ao lado da Vila Angélica (antiga rua dos Boiadeiros). Foram ali regularizados e entregues 127 títulos de propriedade. Outra região da cidade onde aconteceram regularizações foi na Vila Brasil, onde 36 títulos de propriedades foram entregues.

SAÚDE

CARDÁPIO

GIA e SPED

Saúde
Horários Médicos nos Postos de Saúde