Secretaria de Obras e Infraestrutura

Departamento de Comunicação   03/04/2018 | 16h30

GOVERNO DO ESTADO LIBERA R$ 3,8 MILHÕES PARA RECUPERAÇÃO DA SP 129

Governador Geraldo Alckmin autorizou recursos para a recuperação da estrada Tatuí/Boituva.

GOVERNO DO ESTADO LIBERA R$ 3,8 MILHÕES  PARA RECUPERAÇÃO DA SP 129

Na segunda-feira (02/04), o governador Geraldo Alckmin anunciou, no Palácio dos Bandeirantes, a liberação de recursos para a recuperação da Rodovia SP 129, entre Tatuí e Boituva, numa extensão de 9,8 quilômetros. A obra está orçada em R$ 3,8 milhões. O processo licitatório correrá na modalidade Concorrência Menor Preço e será realizado pelo Governo do Estado.

A prefeita Maria José Vieira de Camargo e o secretário de Governo e ex-prefeito, Luiz Gonzaga Vieira de Camargo, estavam presentes ao evento. Maria José falou da importância do trecho da SP 129 que terá obras: "é uma rodovia importante economicamente, pois temos duas grandes indústrias, uma de vidro e outra um frigorífico, que concentram centenas de empregos; gerando um grande movimento de veículos e caminhões".

O pacote de obras em estradas anunciados por Alckmin somam investimentos da ordem de R$ 506,3 milhões para recuperação de rodovias estaduais e estradas vicinais. Mais de 7,8 milhões de habitantes serão diretamente beneficiados em 99 municípios.

Ao receber líderes do setor e representantes de prefeituras no Palácio dos Bandeirantes, Alckmin destacou a importância da iniciativa. "Infraestrutura e logística são grandes geradoras de emprego e ativam fortemente a economia. As obras também ajudam os municípios na arrecadação do Imposto sobre Serviços, além de atrair investimentos e melhorar a produtividade. E o mais importante: as modernizações nas estradas salvam vidas", ressalta o governador.

Além de 33 rodovias paulistas, administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), mais 40 vias sob administração municipal também serão contempladas. Os investimentos na recuperação e modernização serão de R$ 390 milhões. Já as estradas vicinais ficarão com R$ 116,3 milhões, incluindo a contrapartida das prefeituras no total de R$ 16,3 milhões.

Concorrência - Os recursos liberados pelo Tesouro Paulista atingirão, portanto, R$ 490 milhões. Os editais de licitação para contratar as obras nas rodovias estaduais serão publicados a partir desta semana. O processo licitatório correrá na modalidade Concorrência Menor Preço. No total, 936,6 quilômetros de rodovias e vicinais serão contemplados pelo pacote.

Além de recuperação do pavimento asfáltico e implantação de nova sinalização, também serão construídas duas novas pontes. Uma estrada, atualmente em terra, será pavimentada. O DER executará ainda serviços de perenização, melhorias no sistema de drenagem e recuperação de erosões.

No caso das vicinais, a parceria entre Governo do Estado e prefeituras possibilitará a realização de 18 obras de pavimentação, 15 serviços de recuperação de vias, uma perenização, construção de três novas pontes e galerias e uma modernização de pista. Também serão contratados projetos para recuperação de outras sete estradas.

Qualidade - Os investimentos fortalecem o compromisso do Estado de São Paulo quanto à qualidade da malha viária. De acordo com a mais recente pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT), 77,8% da malha paulista é considerada ótima ou boa. Em todo o Brasil, somente 38,2% das rodovias estão em situação semelhante.

Além de impulsionar a economia, melhorar o escoamento da produção agrícola e de produtos industriais e de gerar novo incentivo ao turismo regional, as obras aumentarão a segurança viária para milhares de veículos que utilizam as vias diariamente e gerarão milhares de novos postos de trabalho.

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

Cardápio



GIA e SPED