Fundo Social

Departamento de Comunicação   26/01/2018 | 14h18

TRINTA LEITOS RECUPERADOS DA SANTA CASA COM DOAÇÃO SERÃO ENTREGUES NA TERÇA

Quartos foram reformados com doações.

TRINTA LEITOS RECUPERADOS DA SANTA CASA COM DOAÇÃO SERÃO ENTREGUES NA TERÇA

Um dos maiores projetos sociais já realizados nos últimos anos em Tatuí, com a união do Poder Público e o voluntariado, terá sua segunda ação concretizada na terça-feira (30/01). Serão entregues mais 11 quartos (30 leitos) do Projeto Adote um Quarto - Abrace a Santa Casa, que atendem principalmente, os pacientes do SUS, na Santa Casa de Misericórdia local.

O evento, que será realizado na Capela Sagrada Família, a partir das 19h, terá a presença de autoridades, doadores e voluntários do projeto, que é coordenado pelo Fundo Social de Solidariedade (FUSSTAT).

O primeiro piso (superior - 2º andar), com 11 quartos (30 leitos), foi inaugurado no dia 18 de dezembro. Até março, mais um piso (andar térreo), com mais 11 quartos, deverá ser entregue.

 "A questão do voluntariado em Tatuí sempre foi algo muito positivo. O objetivo é darmos um tratamento mais humanizado e digno na acomodação aos pacientes e seus acompanhantes, com todo o conforto possível", disse a prefeita Maria José Vieira de Camargo.

O Fundo Social de Solidariedade (FUSSTAT) começou em junho de 2017 a campanha Adote um Quarto - Abrace a Santa Casa. Coordenado pela conselheira Alessandra Vieira de Camargo Teles, o projeto agregou parceiros (empresários, clubes de serviço, sindicatos, grupos de amigos etc) que doaram recursos para a reforma dos 33 quartos (111 leitos), em três pisos do prédio Orlando Bolzan, que atende prioritariamente os pacientes do SUS.

            "Este projeto está sendo uma vitória da nossa comunidade, que abraçou esta causa, afinal a Santa Casa é de todos nós. Ali, os desafios são grandes. Graças a Deus e a alta credibilidade da administração municipal e a seriedade do projeto conseguimos os parceiros necessários para as obras", destacou a conselheira do FUSSTAT, Alessandra Vieira de Camargo Teles, coordenadora das ações.

"O desafio no hospital é constante. Em janeiro de 2017, pagamos os salários atrasados dos funcionários e encerramos uma greve que praticamente paralisou o hospital. Em maio, reabrimos a UTI com sua capacidade total (8 leitos), estamos ampliando a ala (para 10 leitos), reativamos as cirurgias de emergência e eletivas, criamos a Central de Voliuntariado e agora estamos focados na melhoria do Centro Cirúrgico.

Em paralelo às conquistas recentes do hospital, a entidade administra uma dívida que ultrapassa os R$ 31 milhões. "Por isso, o apoio de todos é muito importante neste momento, pois estamos engajados em várias frentes para recuperar a Santa Casa", concluiu a chefe do Poder Executivo.

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

Cardápio



GIA e SPED