Secretaria de Obras e Infraestrutura

Departamento de Comunicação   13/12/2017 | 10h48

PREFEITURA INAUGURA SÁBADO PONTE DO JUNQUEIRA E DUPLICAÇÃO DE VIAS MARGINAIS

Complexo viário liga a entrada da cidade com a Zona Leste.

PREFEITURA INAUGURA SÁBADO PONTE DO JUNQUEIRA E DUPLICAÇÃO DE VIAS MARGINAIS

Uma das maiores obras viárias já realizadas em Tatuí será entregue neste sábado (16/12) e deverá melhorar o trânsito no centro e permitir um acesso mais rápido a vários bairros da Zona Leste do município, cuja população é estimada em mais de 45 mil pessoas. A prefeita Maria José Vieira de Camargo inaugura este complexo viário às 19h.

O trecho executado é de, aproximadamente, dois quilômetros de extensão. Além da construção da nova ponte do Jardim Junqueira, foi duplicada a rua Professora Maria Aparecida Santi (entre as pontes do Marapé e Junqueira) e foi duplicada a Avenida Marginal ao Ribeirão do Manduca, entre a ponte do Junqueira e a Avenida São Carlos.

Várias obras foram realizadas neste trecho: ponte nova, asfalto, drenagem, calçadas, rotatórias, iluminação, passarela para pedestres, paisagismo etc. Foram investidos mais de R$ 3 milhões, sendo parte dos recursos do Ministério da Integração Nacional.

Parcialmente interditada desde o dia 17 de dezembro de 2016, a ponte da rua Maria Aparecida Santi, que liga o Jardim Junqueira à Avenida Vice-Prefeito Pompeo Reali, veio ao chão definitivamente no último dia 5 de janeiro próximo passado, após fortes chuvas. O trânsito desde então está interrompido no local.

No dia 11 de janeiro, a Prefeitura de Tatuí removeu do leito do Ribeirão do Manduca os escombros da ponte. No dia 12 de abril, a Prefeitura de Tatuí foi comunicada pelo Ministério da Integração Nacional, da liberação de recursos para a construção da nova ponte. Na primeira quinzena de maio teve início a obra da ponte do Jardim Junqueira, pela empresa CSC Engenharia e Construção Ltda., vencedora da licitação pública. A obra terá o valor de R$ 1,3 milhão. O içamento das vigas sobre a ponte aconteceu no último dia 13 de julho. Em novembro a ponte foi concluída e aguardava-se as demais obras na região para a liberação do trânsito de veículos.

Um dos grandes problemas encontrados ao longo da execução de toda a obra foi a erosão na rua Professora Maria Aparecida Santi, que exigiu um grande projeto de drenagem, com a execução do sistema “bolsacreto” junto às margens. Ao longo de todo o trecho, mais de 600 árvores foram plantadas, sendo a grande maioria de recompensação ambiental, sem custos para a Prefeitura de Tatuí.

Denominação - A Ponte do Junqueira foi denominada pelo vereador Ronaldo José da Mota, o Ronaldo do Sindicato, de “Dr. Celso Charuri”, através de projeto de lei aprovado pela Câmara Municipal. O saudoso médico paulistano foi cirurgião, psicanalista, cientista e, sobretudo filósofo, dedicando toda sua vida ao profundo estudo da mente humana. Criou em 1978 a Pró-Vida, entidade onde, através de cursos de desenvolvimento e treinamento mental, já preparou mais de 200 mil pessoas, entre homens, mulheres e crianças. Hoje a Pró-Vida existe também na Argentina, Chile, Bolívia, Paraguai, Colômbia, México, Espanha, Portugal, Itália e Estados Unidos. Em Tatuí, a Pró-Vida colaborou com várias instituições de caridade, como Lar Donato Flores, Lar São Vicente de Paulo, Força para Viver e Casa Irmãos de Rua São José, entre outras. Dr. Celso Charuri faleceu no ano de 1981.

Pontes - Em agosto, a Prefeitura de Tatuí fez a entrega da Ponte do Marapé, obra que estava paralisada - pela administração anterior - desde agosto de 2016. Ela veio ao chão em março de 2016. O investimento aproximado foi de R$ 825 mil.

Antes de agosto, porém, a Prefeitura de Tatuí já havia liberado o tráfego de veículos nas pontes do Jardim Colina Verde (entregue em maio/2017) e Bosques do Junqueira (entregue em março/2017), que necessitaram de obras.

A ponte do Jardim Paulista ainda está em obras. O investimento é de R$ 644 mil e o prazo para a sua conclusão é o primeiro trimestre de 2017.

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

Cardápio



GIA e SPED