Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude

Departamento de Comunicação   08/11/2017 | 08h40

EXPOSIÇÃO “UNIVERSO INVISIVELMENTE VISÍVEL” TERÁ INÍCIO NESTA QUINTA-FEIRA NO MUSEU

Exposição ficará aberta ao público, gratuitamente, até o dia 14 de janeiro de 2018.

EXPOSIÇÃO “UNIVERSO INVISIVELMENTE VISÍVEL” TERÁ INÍCIO NESTA QUINTA-FEIRA NO MUSEU

O Museu Histórico “Paulo Setúbal”, equipamento cultural da Prefeitura de Tatuí, através da Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude iniciará na quinta-feira (09/11) a exposição “Universo Invisivelmente Visível”, a última deste ano, que ficará aberta ao público, gratuitamente, até o dia 14 de janeiro de 2018.

A exposição surgiu por meio da inquietação de artistas independentes, que se reuniram para trocas de experiências estéticas, filosóficas e poéticas, inspirando-se no conhecimento da tradição artística do passado e do presente com linguagens e atitudes contemporâneas. O coletivo artístico feminino é formado por Iolanda Cimino, Kazuhe Shizuru, Rita Caruzzo, Sandra Lozano, Sônia Botture e Zilamar Takeda, que se uniu para a realização da pesquisa, realizando o exercício da discussão e a análise conjunta sobre diversos temas que incitam a criação artística interagindo com a sociedade.

As artistas reuniram para a exposição pintura, fotografia, instalação, vídeo arte e mixed-media, com o objetivo de instigar a criatividade artística e levar o público a pensar sobre temas não muito comuns, fomentando novas proposições visuais, concepções de arte e sociedade. “A exposição busca criar ambientes que gerem sensações e identificação com o público, além de reflexão sobre a arte e o espaço social e urbano, formando janelas detentoras de uma eloquência cênica, envolvendo o espectador em uma ansiedade da descoberta dos significados sensoriais mais profundos por meio de cores, formas e linhas”, explica o diretor do Departamento de Cultura, Rogério Vianna.

AS ARTISTAS

Iolanda Cimino - Artista visual, natural de São Paulo, onde vive e trabalha. Começou a desenhar na infância e, na adolescência, foi estudar Artes Plásticas na Escola Panamericana de Artes. Em 2010 licenciou-se em Artes Visuais pela Faculdade Paulista de Artes (FPA). Desenvolveu o dom em retratar com impressionante realismo e policromia as figuras humanas. A visão do figurativo impressionista imprimiu uma forte tendência inicial no seu trabalho, que aos poucos foi se traduzindo num aprimorado POP Art realista que é atualmente sua marca predominante.

Kazuhe Shizuru - Artista plástica, natural de São Paulo onde vive e trabalha. Bacharel em biologia, fotógrafa e poetisa. Participou de várias exposições coletivas nacionais nas cidades de Arceburgo, Campinas, Embu das Artes, Ilha Bela, Jundiaí, Limeira, São Paulo, Piracicaba, Vinhedo, e internacionais nas cidades de Berlin/Alemanha, Braga/Portugal, Cascais/Portugal, New York/Estados Unidos, Paris/França, Quebec/Canadá e Helsink/Finlândia, com fotografias e pinturas. Na literatura obteve classificação e publicação em 12 antologias.

Rita Caruzzo - Nascida e residente em São Paulo, começou a pintar aos 7 anos de idade ao ver que sua paixão eram as cores. Se formou em Artes em 1994. Fez cursos de especialização em História da Arte com a professora Rô Gonçalves, assim como cursos de restauração e técnicas de pintura e escultura com a professora Sara Rosenberg. Sua arte está voltada ao surrealismo, onde a artista mais desenvolve seu talento, acreditando sempre na comunicação através da arte. Nos últimos cinco anos está focada totalmente para especializações, cursos e aulas em seu ateliê. Ministra aulas de pintura para idosos, crianças e pessoas especiais. Participou de várias exposições coletivas e individuais, no Brasil e no exterior, sendo premiada em diversas.

Sandra Lozano - Artista plástica e fotógrafa, nascida em São Paulo, onde vive e trabalha. Formada como assistente social pela Universidade Santo Antônio e psicóloga clínica pela Universidade São Marcos. Fotógrafa profissional com formação pela Escola FOCUS de Fotografia e extensão em fotografia digital pela Prime light Cursos de Fotografia Ltda. Teatro no Instituto Mazaropi e na Oficina de Arte da Universidade São Marcos. Oficinas: História da Arte no SESC; Escultura com Israel Kislansky; Gravura na Galeria Marta Traba no Memorial da América Latina. Realizou várias exposições em salões conceituados, passando por seleção com jurados, ganhadora de prêmios, inclusive medalha de ouro, por dois de seus trabalhos. Participa do grupo de estudo do Atelier do Óleo, com a professora Titina Corso, na linha de intervenção digital sobre fotografia, desenho, estudo de cores e pintura. Atualmente atua como artista plástica e poeta, com destaque para as intervenções fotográficas.

Sonia Botture - Natural de São Paulo, onde vive e trabalha. Formada pela Universidade Oswaldo Cruz em Química, assim como, em Língua e Literatura Portuguesas na PUC/SP. Durante oito anos, trabalhou nos Laboratórios Wellcome, na área veterinária/vacina aftosa. Lecionou durante 20 anos Língua e Literatura Portuguesa e Brasileira e, posteriormente, ao abandonar o magistério, tornou-se empresária na área de eventos, por oito anos. Em 2005 conheceu a artista plástica Rita Caruzzo, que a incentivou a pintar e voltar à fotografia, sendo, ainda hoje, sua discípula na área das artes plásticas. Incentivou participar de exposições na área de pintura, sendo premiada em algumas. Desde adolescente gostava de fotografar por curiosidade, viagens, família, amigos e natureza. Fotografou algum tempo por hobby e se profissionalizou como fotógrafa. É autodidata e, enquanto fotógrafa, participou de várias exposições pelo Brasil, sendo premiada em quase todas. 

Zilamar Takeda - Artista visual, nascida em São Paulo, onde vive e trabalha. Nos últimos anos vem transmitindo no seu trabalho as técnicas da Encáustica MixedMedia e a experiência prática da arte têxtil contemporânea com material orgânico, como pigmentos e tingimentos vegetais.

 

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

GIA e SPED