Secretaria de Educação

Departamento de Comunicação   24/08/2017 | 16h40

TATUÍ ENCAMINHA PEDIDO PARA SER POLO DA UNIVESP EM 2018

O plano do Governo do Estado é levar a universidade pública para novos municípios, abrindo mais 100 polos em 2018.

TATUÍ ENCAMINHA PEDIDO PARA  SER POLO DA UNIVESP EM 2018

Na sexta-feira (18/08), a prefeita Maria José Vieira de Camargo recebeu os vereadores João Éder Miguel e Daniel Rezende, que juntos com o vereador Jairo Martins (Pepinho), estão reivindicando para Tatuí a instalação de um pólo presencial da UNIVESP (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), com seis cursos de graduação universitária (USP, UNICAMP e UNESP), sendo 300 vagas nos cursos de Engenharia de Produção, Engenharia da Computação, Pedagogia, Matemática, Gestão Pública e Jogos Digitais.

“Nosso objetivo é levar a UNIVESP já no ano que vem para Tatuí”, destacou a prefeita Maria José. Um dia antes, os vereadores entregaram uma carta de intenção - assinada pela prefeita Maria José - ao diretor administrativo da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo), Ricardo Bocalon, para que a cidade seja um polo da instituição. O encontro aconteceu na cidade de Americana, no Escritório Regional do deputado estadual Chico Sardelli (PV).

A contrapartida da Prefeitura é oferecer sala de aula com 50 computadores, ou duas salas com 25 computadores cada, e um professor efetivo para coordenar o polo.

Os professores dos cursos são da USP, Unicamp, Unesp e Centro Paula Souza. São oferecidas 50 vagas para cada curso, com aulas presenciais a cada 15 dias. Mas o polo funciona de segunda à sexta-feira, no período noturno, para que os alunos possam estudar, fazer pesquisas e exercícios, caso não tenham condições de fazer em casa.

O plano do Governo do Estado é levar a universidade pública para novos municípios, abrindo mais 100 polos em 2018. O chamamento público para as cidades confirmarem seu interesse deve acontecer no início de outubro. O próximo vestibular será em janeiro, para início das aulas em fevereiro.

“Esse projeto do governo do Estado é inovador e vai revolucionar a história do ensino superior no Brasil. Acabamos de gerar mais 16 mil vagas, começando agora em agosto, e para 2018 serão 30 mil vagas e mais 15 mil vagas no segundo semestre, somando mais de 60 mil vagas”, completou Bocalon.

 

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

GIA e SPED