Secretaria de Planejamento e Gestão Pública

Departamento de Comunicação   28/06/2017 | 12h13

ITESP VAI FAZER ANÁLISE PARA A REGULARIZAÇÃO DE NÚCLEOS HABITACIONAIS EM TATUÍ

O Programa de Regularização Fundiária Urbana é uma ação social do Governo do Estado, executado pelo Itesp.

ITESP VAI FAZER ANÁLISE PARA A REGULARIZAÇÃO DE NÚCLEOS HABITACIONAIS EM TATUÍ

 

Na segunda-feira (26), a prefeita Maria José Vieira de Camargo assinou no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, um Protocolo de Intenções com o ITESP (Instituto de Terras do Estado de São Paulo), para a elaboração de um diagnóstico fundiário, para que possamos ter as condições técnicas necessárias para regularizar núcleos urbanos e rurais no município.

A solenidade foi conduzida pelo governador Geraldo Alckmin. Ainda presentes, os secretários Samuel Moreira (Casa Civil) e Márcio Elias Rosa (Justiça e Defesa da Cidadania) e o presidente da Fundação ITESP, Marcos Pilla. De Tatuí, ainda presentes estiveram a secretária Juliana Rossetto Leomil Mantovani (Planejamento e Gestão Pública) e o secretário Célio José Valdrighi (Agricultura e Meio Ambiente).

“Para toda família, o maior bem é o título de propriedade da sua casa, do seu imóvel. Essa é uma prioridade social e habitacional da nossa administração. Tatuí tem hoje cerca de 15 núcleos para regularização. Vamos trabalhar bastante com o ITESP para regularizarmos estas áreas”, destacou a prefeita Maria José..

Convênio - O Programa de Regularização Fundiária Urbana é uma ação social do Governo do Estado, executado pelo Itesp. A ação visa identificar áreas passíveis de regularização e outorgar títulos de propriedade conforme a situação jurídica de cada área.

Além de segurança jurídica e pacificação social, a regularização fundiária leva desenvolvimento às áreas regularizadas, uma vez que os imóveis ingressam no mercado formal. As terras valorizam-se e podem ser oferecidas como garantia para acesso a crédito.

Em Tatuí, a Fundação ITESP fez pela última vez a regularização de áreas na gestão do ex-prefeito Luiz Gonzaga Vieira de Camargo. É o caso do bairro Nova Esperança, que surgiu ao lado da Vila Angélica (antiga rua dos Boiadeiros). Foram ali regularizados e entregues 127 títulos de propriedade. Outra região da cidade onde aconteceram regularizações foi na Vila Brasil, onde 36 títulos de propriedades foram entregues.

 

SAÚDE

Saúde
Médicos nos Postos de Saúde

Horários:

GIA e SPED